Home >> Notícias >> Em 2017 a Prefeitura investiu mais de 26,65 % do orçamento na Saúde

Em 2017 a Prefeitura investiu mais de 26,65 % do orçamento na Saúde

03/01/2018

Em 2017 a Prefeitura investiu mais de 26,65 % do orçamento na Saúde

A saúde foi prioridade em 2017, sendo a área que mais recebeu investimentos da Prefeitura Municipal de Itarana - R$ 4 milhões de investimentos do orçamento prórpio até o mês de novembro, o que representa 26,65% do orçamento, ultrapassando o mínimo exigido por lei, que é de 15 %.

Além das ações realizadas pela Secretaria Municipal de Saúde (Semus), como campanhas de prevenção, atendimento médico, entre outros, parte desse recurso, foi destinado ao Hospital São Braz, com repasse de R$ 1.406.797,04. Esse repasse, feito em parcelas mensais à Fundação Médico Assistencial do Trabalhador Rural de Itarana (FMATRI), responsável por gerenciar o Hospital São Braz, pôde ser utilizado para a manutenção de atividades diversas, como: pagamento da folha de funcionários, médicos, enfermeiros e técnicos, aquisição de materiais hospitalares, de limpeza, gêneros alimentícios, pagamento de energia elétrica e telefone, entre outros.

O recurso foi destinado através do convênio número 002/2016, tendo a FMATRI a obrigatoriedade de apresentar uma prestação de contas mensal para receber a parcela seguinte. Além do repasse de mais de R$ 1,4 milhão o município também arcou com os todos os custos das ambulâncias que atendem o hospital, como motoristas, combustível e manutenção dos veículos, e repassou o valor de R$ 50 mil, referente a consultas, medicamentos e procedimentos, através do Programa de Atenção Básica (PAB), recurso federal destinado a área da saúde.

Atendimento mais próximo do cidadão

Apesar da crise financeira e a consequente queda na receita enfrentada em 2017, o município realizou investimentos importantes na área da saúde. Segundo a secretária Municipal de Saúde de Itarana, Vanessa Arrivabene Martineli, no ano passado o município adquiriu mais um veículo tipo micro-ônibus, facilitando a viagem dos pacientes que necessitam de consultas e procedimentos médicos em outros municípios. A aquisição, no valor de R$ 242.500,00, foi realizada com recurso dos royalties estadual e outros recursos vinculados.

Outra conquista para a população foram as consultas de algumas especialidades que passaram a ser ofertadas na sede do município, como o atendimento médico oftalmológico, realizado uma vez por mês em um veículo equipado para atender a especialidade. Além da oftalmologia, também são oferecidas no município consultas médicas com especialistas das áreas de ortopedia, pediatria, cardiologia, psiquiatria e endocrinologia.

Prefeitura investiu mais de 26,65 % do orçamento na Saúde em 2017

“Com o atendimento dessas especialidades em nosso município não há necessidade de encaminhar os pacientes para se consultarem na Grande Vitória, promovendo mais conforto para a população”, explicou a secretária municipal de Saúde. As especialidades são oferecidas gratuitamente através do consórcio Cim Pedra Azul, no valor global previsto de R$ 270 mil reais, sendo repassados somente os valores referentes à quantidade de atendimentos, serviços prestados e despesas administrativas.

Os pacientes que possuem dificuldades para sair de casa também receberam a atenção e cuidados da Semus. Em 2017, eles passaram a receber atendimento odontológico em suas residências. Foram realizadas 56 visitas para a oferta de tratamento odontológico básico. Os pacientes com dificuldades de locomoção também recebem consultas médicas domiciliares que são realizadas pelas equipes de Estratégia de Saúda da Família (ESF).  

Prefeitura investiu mais de 26,65 % do orçamento na Saúde em 2017

Prevenção de doenças

Palestras, exames, caminhadas foram algumas das ações que a Secretaria Municipal de Saúde desenvolveu para mobilizar à população para a prevenção de doenças. As atividades foram relacionadas às campanhas Setembro Amarelo (suicídio), Outubro Rosa (câncer de mama), Novembro Azul (câncer de próstata) e Dezembro Vermelho (HIV/AIDS), desenvolvidas na sede e no interior do município.

Também foram desenvolvidas campanhas de vacinação e palestras sobre alcoolismo, doenças sexualmente transmissíveis, entre outras ações de prevenção.

Prefeitura investiu mais de 26,65 % do orçamento na Saúde em 2017

Prefeitura investiu mais de 26,65 % do orçamento na Saúde em 2017

Prefeitura investiu mais de 26,65 % do orçamento na Saúde em 2017

Cobertura do SAMU 192

Em 2017 Itarana passou a contar com a cobertura do serviço SAMU 192, que atende a sede e o interior do município. Através do telefone 192 a população pode solicitar o serviço que é destinado a atender casos de urgência e emergência como: parada cardiorrespiratória, infarto, engasgo, derrame, queimaduras graves, acidentes de trânsito, entre outros.

As ligações para o Samu 192 são gratuitas e podem ser realizadas de qualquer telefone, fixo ou móvel. A ligação será atendida por telefonistas que identificam a emergência e coletam as primeiras informações sobre a vítima e sua localização. Em seguida, a chamada é encaminhada para um médico, que presta orientações e aciona as ambulâncias quando necessário.

Quando acionar o Samu 192

- Parada cardiorrespiratória;

- Dor bem forte no peito (infarto);

- Dificuldade de respirar/engasgo;

- Suspeita de acidente vascular cerebral (derrame);

- Intoxicação (envenenamento);

- Queimadura grave;

- Choque elétrico;

- Acidente de trânsito com vítima;

- Queda grave e fratura;

- Afogamento;

- Surto psiquiátrico;

- Ferimento causado por arma de fogo ou arma branca;

- Trabalho de parto com risco de morte para a mãe ou para o bebê.

Prefeitura investiu mais de 26,65 % do orçamento na Saúde em 2017

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter